Revista Acontece Interior, Rio de Janeiro, Interior, Brasília, São Paulo

Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2024

Notícias/Política

ÚLTIMAS PESQUISAS INDICAM POSSIBILIDADE NUMÉRICA DE DECISÃO EM PRIMEIRO TURNO NO RIO

Claudio Castro, PL, reconhece a possibilidade, mas evita falar em ser eleito já neste domingo

ÚLTIMAS PESQUISAS INDICAM POSSIBILIDADE NUMÉRICA DE DECISÃO EM PRIMEIRO TURNO NO RIO
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

RIO DE JANEIRO, Eleições decisão em primeiro turno / Por Adriano Lizarelli, Jornalista Editor especialista em ciências políticas 

Neste sábado, último dia de campanha, antes das eleições no domingo, 2 de outubro, os candidatos ao Governo do Estado do Rio, tiveram contatos com eleitores, em busca dos votos, até então, ainda indecisos que somam em média, entre  09% e 13%. 

Os dados são das pesquisas registradas no TRE e TSE, realizadas nesses últimos dias, pelos Institutos IPEC e Data Folha e também pelo Quaest. 

Publicidade

Leia Também:

Com base nesses dados, levando-se em conta a previsão -média das pesquisas-, dos votos válidos (excluindo brancos e nulos), o candidato Claudio Castro, está com cerca de 44% dos votos. 

Há ainda a margem de erro que chega a 3 pontos para mais ou para menos. Marcelo Freixo, está com 31%. 

Para vencer em primeiro turno, o candidato precisa de 50% mais 1 dos votos válidos. 

Nesse cenário, Claudio Castro precisaria de mais 6% dos votos válidos ou, se for considerado o limite da margem de erro para mais, seriam necessários outros , entre 3% e 4% dos votos. 

Já para Freixo, seriam necessários mais 19%, ou considerando-se o limite da margem de erro para mais, seriam precisos outros, entre 15% e 16% dos votos válidos. 

CAUTELA: Apesar da matemática dos números apontar grande possibilidade de uma decisão em primeiro turno, Claudio Castro, apesar de reconhecer, preferiu ser cauteloso. 

Ele e alguns dos principais candidatos ao Governo do Rio, falaram com exclusividade neste sábado, à Revista Acontece Interior:   

Claudio Castro: “Nossa expectativa é grande. As pesquisas mostram uma liderança nossa considerável. Algumas apontam a possibilidade de ser no primeiro turno né.., mas o que a gente quer mesmo é passar a melhor mensagem à população. Fizemos isso e vamos ver amanhã, domingo. Foi lindo até agora. Ontem mesmo eu não conseguia andar nas ruas de tanta gente com tanto carinho. Eu nunca tinha vivido isso. Acho que tinha que ter uns 5 Claudio (rsrs) para cumprir todas as agendas. Muito carinho das pessoas. E eu não tenho dúvidas que é o resultado de uma campanha propositiva, limpa e verdadeira que a gente fez até aqui. Muito obrigado a todos. Agora é ver o resultado amanhã” 

Marcelo Freixo: "O que a gente vê nas pesquisas não é o que a gente vê nas ruas. A gente está vendo um sentimento de mudança. Com Lula no primeiro turno e a gente no segundo. O Rio vai se livrar dessa máfia e deste ciclo de governadores presos".

Rodrigo Neves: "Nas últimas eleições vimos o cenário mudar na véspera da votação. Hoje ainda há mais de 30% dos eleitores indecisos, então eu estou muito animado, pois acredito que os eleitores acompanharam os debates, viram que a nossa candidatura tem coerência e um histórico de boas realizações. Os indecisos já conheciam o Freixo e o Castro e continuam indecisos, então agora esses eleitores já sabem que há uma opção pela nossa candidatura, que reúne as duas melhores escolas de administração pública no estado do Rio de Janeiro: a tradição de boa gestão do PDT de Niterói e a administração do Eduardo Paes na capital. Faço aqui um apelo à consciência crítica do eleitor do Rio de Janeiro, porque a continuidade do governo Castro é a continuidade do Witzel na má gestão, na corrupção e na falta de compromisso com o povo; e por outro lado, com todo respeito ao Freixo, nós não podemos arriscar o futuro do Rio de Janeiro colocando o governo nas mãos de quem nunca governou nada e que de uma hora para outra deu uma guinada de 180 graus em relação às pautas que ele defendeu a vida inteira, então a gente não sabe mais quem é o Freixo. Por tudo isso tenho certeza de que neste domingo vai dar 12 nas urnas, vamos ao segundo turno, vamos vencer esta eleição e reconstruir o estado do Rio de Janeiro."

Paulo Ganime: “Estou muito confiante. O retorno das pessoas nas ruas está incrível. Quero muito chegar no segundo turno e vencer essa eleição. Está na hora da gente se livrar dos políticos que há décadas tiram dinheiro do povo com esquemas de corrupção para alimentar os seus grupos políticos e em troca dão migalhas para a população. Ninguém aguenta mais o que está acontecendo no Rio de Janeiro. O Estado teve 5 governadores presos e o grupo político do atual governador é o mesmo dos anteriores. Eu entrei na política para mudar essa realidade. Para isso vote Ganime 30 para governador"

Registros Justiça Eleitoral (RJ-06349/2022,RJ-07687/2022, RJ-00773/2022)

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!