Revista Acontece Interior, Rio de Janeiro, Interior, Brasília, São Paulo

Sexta-feira, 19 de Julho de 2024

Notícias/Saúde

VICTOR SETARO TRÁZ NOVAS DENÚNCIAS CONTRA O EXECUTIVO DE VASSOURAS (SEVERINO E ROSI) QUE ESTÃO DEIXANDO SERVIDORES DOENTES EM “SITUAÇÃO DESUMANA CRÍTICA”

Vereador relata em sessão da câmara, depoimentos de trabalhadores da prefeitura, que além de afastados por motivo de doença, estão sofrendo cortes de 20% nos salários.

VICTOR SETARO TRÁZ NOVAS DENÚNCIAS CONTRA O EXECUTIVO DE VASSOURAS (SEVERINO E ROSI) QUE ESTÃO DEIXANDO SERVIDORES DOENTES EM “SITUAÇÃO DESUMANA CRÍTICA”
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

VASSOURAS, RJ Vereador denuncia consequências de ações “desumanas” do executivo de Vassouras, RJ

Depoimento de uma Mãe, Servidora da prefeitura de Vassouras:“...ontem meu salário foi depositado com o tal do desconto de 20% "vulgo punição por estar doente... O desconto de 631,97 + desconto do Fuprevas em 387,17. Totalizando um desconto de R$1.019,14.... Sinceramente é desesperador, me restou 1400 de salário, só de médico eu gasto 450 por mês, fora as medicações enfim... Não tem como… é desumano!... “

Depoimento de outra Servidora da prefeitura de Vassouras: “...não tem o remédio no postinho... está faltando. ‘preciso’ de 4 caixas de Succinato de Metrpolol. Pego remédio com decisão judicial. {mas} desde de novembro vem faltando a maioria das medicações... Agora em fevereiro não teve a medicações. {Vereador} Victor, eles me prejudicaram indevidamente no salário, e nas minhas medicações que eu tenho direito e não estão entregando. Eu sei que você não quer ver o município entrar em um colapsio, mas nós sabemos que estamos chegando no fundo do poço, infelizmente.”

Publicidade

Leia Também:

Entenda o que está havendo em Vassouras: Os depoimentos acima, fazem parte de relatos de trabalhadores, Servidores públicos da prefeitura de Vassouras, no Vale do Café, administrada por Severino Dias e Rosi (pré-candidata a prefeita do governo). São mensagens que estão chegando ao Vereador Victor Setaro, com frequência e em número cada vez maior.

“Na verdade, vejo esses relatos, que estou compartilhando publicamente com toda sociedade de Vassouras, como pedidos de socorro de mães, pais, idosos, que estão tendo 20% de seus salários cortados, pelo fato de estarem doentes e de licença médica em casa. É preocupante e muito triste, vermos essa degradação do respeito com o ser humano a que estamos chegando” Comentou o parlamentar Setaro, à nossa equipe, e que vem se utilizando de suas redes sociais para tornar públicas essas denúncias.

“Em momentos de doença, os servidores precisam de mais apoio e solidariedade, ao invés de enfrentarem uma redução significativa em seus vencimentos. O desconto nos salários dos servidores afastados por doença levanta questões éticas e humanitárias, colocando em evidência a necessidade de uma revisão urgente dessa legislação.” Completou Victor Setaro.

A lei do desconto de 20% nos salários dos servidores que estiverem doentes em casa, sem condições de trabalhar, é de autoria do Executivo (Severino e Rosi) e que não teve voto favorável do Vereador Victor Setaro.  

A medida foi alvo de críticas e alertas por parte do Paramentar. Após o anúncio do projeto, Victor Setaro utilizou suas redes sociais para alertar a população sobre as implicações negativas dessa proposta, destacando a situação desumana que estava sendo imposta aos servidores já fragilizados por motivos de saúde.

“Infelizmente, mesmo diante das críticas e mobilização nas redes sociais, o projeto foi aprovado, resultando no efetivo desconto nos salários dos servidores afastados. A medida tomada pela administração municipal {Severino e Rosi}, gerou indignação não apenas entre os servidores afetados, mas também na comunidade em geral. A sociedade espera agora que, diante da exposição desses problemas, que medidas sejam tomadas para corrigir essa injustiça e assegurar que os servidores municipais afastados por doença recebam o suporte adequado, sem a imposição de descontos que agravem sua condição já delicada. O debate sobre a humanização das políticas públicas e a proteção dos direitos dos servidores deve permanecer em pauta, visando construir uma sociedade mais justa e solidária.” Finalizou o Vereador Victor Setaro.

NOTA DA REDAÇÃO: As Revista Acontece Interior e Revista Acontece Interior Digital /Site, estão cobrindo as Movimentações Políticas em várias cidades do interior e das capitais dos Estados do RJ, SP e DF. Nossas Coberturas estão abertas a sugestões e a ouvir os contraditórios. Acesse nossos canais: www.revistaaconteceinterior.com.br revistaai.jornalismo@gmail.com

 

 

 

 

 

Comentários:

Veja também

SESC RJ
SESC RJ

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!