Revista Acontece Interior, Rio de Janeiro, Interior, Brasília, São Paulo

Domingo, 16 de Junho de 2024

Notícias/Policial

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO ADOTA TECNOLOGIA DE ULTIMA GERAÇÃO PARA GARANTIR A SEGURANÇA NO CARNAVAL

Esquema especial inclui sistema de reconhecimento facial e reforço de mais de 15 mil policiais militares e civis

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO ADOTA TECNOLOGIA DE ULTIMA GERAÇÃO PARA GARANTIR A SEGURANÇA NO CARNAVAL
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

RIO DE JANEIRO, RJ Esquema de Segurança nos Carnavais Fluminenses

Para levar mais proteção aos foliões durante os eventos de Carnaval, o Governo do Estado conta com mais de 15 mil policiais militares e civis. Pela primeira vez no período carnavalesco, a segurança está sendo reforçada por videomonitoramento com reconhecimento facial - que identifica e localiza foragidos da Justiça - na orla da capital, no Sambódromo, e em estações de metrô e SuperVia. Todas as imagens captadas pelo sistema são transmitidas em tempo real para o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

“O Governo do Rio está atuando nas mais diversas frentes de segurança pública, para que todos possam ter a tranquilidade de aproveitar o Carnaval. Além das ações na capital, estamos, mais uma vez, garantindo que cidades do interior tenham dias de folia cheios de alegria e paz. O uso da tecnologia, sem dúvida, é o grande diferencial este ano” destacou o governador Cláudio Castro.

Publicidade

Leia Também:

Na Marquês de Sapucaí, no Setor 11, foi montado um posto avançado da 6ª Delegacia de Polícia (Cidade Nova) e unidades especializadas. Seis torres de observação da Polícia Militar foram instaladas ao longo da Avenida Presidente Vargas, e durante todo o desfile das escolas de samba haverá monitoramento por drones. Para o entorno do Sambódromo, foram destacadas 51 viaturas, além da presença do Policiamento Montado (RPMont). A PM também poderá ser acionada pelo aplicativo 190 RJ, que tem versões em português, inglês, francês e espanhol.

A Polícia Civil atua com 3,3 mil agentes em todo o Estado do Rio. Há reforço de 50% do efetivo na Delegacia Especial de Apoio ao Turismo e nas 14 Delegacias de Atendimento à Mulher (Deams). Ainda nos dias de folia, guias bilíngues estão na Delegacia Especial de Apoio ao Turismo e na orla para auxiliar no preenchimento do registro de ocorrência.

Prevenção à violência contra a mulher: Ações de conscientização e prevenção à violência contra a mulher também ocorrem no Sambódromo e nos municípios. A iniciativa é resultado de uma integração de equipes da Secretaria da Mulher com policiais da Patrulha Maria da Penha e da Deam. O aplicativo Rede Mulher, que tem um botão de emergência com acionamento eletrônico do 190, é outra importante ferramenta no combate a crimes contra as foliãs.

Policiamento nas ruas: Nas ruas, as ações da Polícia Militar também foram intensificadas. Nos megablocos, no Centro do Rio, há patrulhamento com drones e pontos de interceptação e revista com 250 detectores de metais, iniciativa que se repete nas estações de metrô da Zona Sul (Copacabana, Ipanema e Leblon). Já no interior e municípios da Região Metropolitana, batalhões da área da PM fazem reforço do policiamento nos blocos de rua.

Esquema de segurança: - 12.100 policiais militares mobilizados extraordinariamente no patrulhamento;  - Videomonitoramento com reconhecimento facial na orla da capital (Leme-Barra de Guaratiba), Sambódromo, estações do Metrô e SuperVia. Bairros beneficiados: Leblon, Laranjeiras, Botafogo, Lapa, Tijuca, Vila Isabel, Barra da Tijuca, Centro, Jardim Botânico; - 3,3 mil agentes da Polícia Civil atuando em todo o estado; - Reforço de 50% do efetivo na Delegacia Especial de Apoio ao Turismo e nas 14 Deams.

Corredor Zona Sul: - Metrô: revista com detector de metais nas estações de Copacabana, Ipanema e Leblon;

Corredor Centro – Megablocos: - Patrulhamento com drones; - Pontos de interceptação e revista com 250 detectores de metais; - 6 torres de observação.

Interior e Região Metropolitana - Policiamento dos batalhões de área nos blocos de Niterói, Cabo Frio, Búzios, além de outros municípios.

 

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!