Revista Acontece Interior, Rio de Janeiro, Interior, Brasília, São Paulo

Sabado, 13 de Julho de 2024

Notícias/Esporte

Base do Voltaço começa tratamento dentário em clínica odontológica da Universidade de Vassouras

A ação faz parte da parceria estabelecida entre o clube e a universidade, sua patrocinadora máster

Base do Voltaço começa tratamento dentário em clínica odontológica da Universidade de Vassouras
Foto: Divulgação
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Vassouras

Sete jogadores do elenco do sub-20 do Volta Redonda Futebol Clube iniciaram o tratamento dentário, na tarde desta terça-feira, dia 22, na Clínica Odontológica da Universidade de Vassouras. A ação faz parte da parceria estabelecida entre o clube e a universidade, sua patrocinadora máster.

O presidente do Volta Redonda, Flávio Horta, e o presidente da Fundação Educacional Severino Sombra, Marco Capute, têm repetido desde a celebração do acordo, assinado antes do início do Campeonato Estadual, que mais que um patrocínio, Volta Redonda e Universidade de Vassouras estabeleceram uma grande parceria. Amanhã, outros quatros jogadores do sub-20 do Voltaço estarão na clínica. A ideia é que outras categorias e até mesmo os jogadores do elenco profissional recebam o atendimento.
 
João Hézio Cordeiro, coordenador da base do Volta Redonda, que esteve na clínica odontológica acompanhando os jovens, enalteceu a importância da parceria com a única universidade privada do Sul Fluminense.
 
“Essa parceria é um sonho antigo. Nos dá a possibilidade de oferecer uma maior qualidade de vida para os nossos jogadores”. O sub-20 do Voltaço está envolvido com o Campeonato Estadual da categoria e enfrenta o Botafogo, sábado, em Vassouras. “Hoje, Vassouras é a casa das categorias de base do Volta Redonda. É na Fazenda Carvalheira que mandamos os jogos no sub-20, sub-17, sub-15 e sub-14”.
 
Coordenador do curso de Educação Física e um dos maiores entusiastas da parceria com o Volta Redonda, o professor Paulo Caminha entende que “a atuação multidisciplinar trará benefícios a todos os envolvidos”. O tratamento dentário é, lembra Caminha, parte importante na prevenção de lesões esportivas. “Vejo um horizonte promissor de campo de estágios para nossos alunos de diversos cursos, um ganho qualitativo para o clube, em todas as categorias e um pioneirismo que irá fortalecer toda a região”, encerra o professor.  
 
Coordenador da clínica odontológica, o professor Marlon Klebis Schiavon destacou a importância do atendimento para a parceria vitoriosa entre Universidade de Vassouras e o Volta Redonda Futebol Clube.

 

Publicidade

Leia Também:

Comentários:

Veja também

SESC RJ
SESC RJ

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!